Cristianismo Pedagiado

Cristianismo Pedadiado

Pagar duas vezes por um serviço frustra. Viajar numa estrada que deveria ser bem construída e mantida pelos impostos pagos ao governo e depois ter que pagar pedágio para viajar por ela, desanima. Mas fazer o quê? O governo resolveu gastar o dinheiro do imposto em outra coisa e ficou viciado em impostos e taxas.

Com o passar do tempo o povo se acustuma com o pedágio e nem se lembra mais que a conta já foi paga e que continua sendo paga pelo imposto de cada motorista. O povo pensa: pelo menos a estrada ficou um pouco melhor! E o pedágio continua a ser cobrado.

Mas não é somente o governo que descubriu que cobrar duas vezes funciona e dá mais recurso para manter um governo cada vez maior. Alguns líderes religiosos do cristianismo cobram pedágio há muito tempo e o povo já esqueceu que a conta já foi paga inteiramente por Jesus há 2000 anos atrás.

Muitas igrejas criaram sistemas para ajudar Jesus com o caminho, a verdade e a vida. Jesus não pediu a ajuda porque nem precisa. Mas, os religiosos descobriram que oferecer algumas melhorias como: mediação terceirizada entre o cristão e Deus, libertação de perigos, ensino diferenciado, cobertura espiritual enquanto viaja, pais e mães espirituais de viagem e até pronto socorro espiritual; permitindo assim a eles a cobrança de pedágios espirituais.

O resultado destes “pedágios espirituais” chamados “sementes” ou “ofertas” é “tomar posse” o que significa poder viajar com mais conforto no caminho, na verdade e na vida. É só entregar a sua identidade, conta bancária, dados pessoais, instalar o “sem parar” com o logotipo da igreja e sair de viajem debaixo dos cuidados daqueles que vão amar você, enquanto você paga uma segunda vez por aquilo que já foi pago por Jesus e garantido pelo Espírito.

Felizmente para o cristão focado em Jesus como o caminho, a verdade e a vida não é necessário pagar pedágio porque Jesus pagou tudo. Basta ter o Espírito de Cristo em você 24 horas por dia e 7 dias por semana que é o selo e logotipo do pagamento total e pode seguir viagem na vontade do Pai sem parar, sem pagar e sem medo.

Nunca pague por aquilo que Jesus já pagou e vai manter. Jesus não cobra pedágio pelo caminho, a verdade ou a vida. Jesus não precisa terceirizar nada. Para quem tem o Espírito a viagem é de graça eternamente. Fique longe de cristianismo pedagiado. Jesus não autorizou um segundo pagamento.

“Cristo é tudo e está em todos.” Col. 3:11

“Vocês receberam de graça; dêem também de graça.” Mateus 10:8 (b)

Carlos McCord

Presidente do Ministério Permanecer

Deixe uma resposta