Ação ou Reação?

Ação ou Reação?

Como discípulos de Jesus devemos viver no mundo como uma reação ou uma ação? Devemos viver como uma reação frente as circunstâncias de cada dia ou uma ação que avança ao encontro das circunstâncias de cada dia?

Talvez antes de responder estas perguntas seria melhor perguntar, “Jesus viveu no mundo como uma reação ou ação”? Sendo discípulos o nosso mestre define como viveremos aqui no mundo. Se Jesus viveu como uma reação devemos viver assim. Se Jesus viveu como uma ação então devemos viver assim.

Jesus nas suas palavras se definiu como ação continua. Ele disse, “Eu sou a luz do mundo. Eu sou o pão da vida. Eu sou a porta das ovelhas. Eu sou o bom pastor. Eu sou a ressurreição e a vida. Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Eu sou a videira verdadeira”.

O uso das palavras “Eu sou” por Jesus para se descrever não descreve uma reação mas uma ação.  Ser luz, pão, porta, bom pastor, ressurreição e vida, caminho, verdade, vida e videira são ações de um ser bem definido e não reações decididas  perante as circunstâncias de cada dia.

Fica bem claro que a vida de Jesus era a ação de Jesus. O fato é que Jesus era entre nós a ação continua do amor do Pai.

“Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna”. João 3:16

Sendo assim, Jesus chama os seus discípulos para continuar ser a ação do amor do Pai aqui no mundo. Com sua vida e suas palavras Jesus nos chama a agir em vez de reagir e amar em vez de retaliar.

“E aquele que não carrega sua cruz e não me segue não pode ser meu discípulo”. Lucas 14:27

“Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens”.

“Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte. E, também, ninguém acende uma candeia e a coloca debaixo de uma vasilha. Ao contrário, coloca-a no lugar apropriado, e assim ilumina a todos os que estão na casa. Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus”. Mateus 5:12-16

Se não aceitarmos o convite de Jesus de agir no mundo em vez de reagir no mundo, então não podemos ser discípulos de verdade. Discípulos de Jesus não são uma reação no mundo.  Em união de espírito com Jesus, discípulos são a ação do amor de Deus no mundo.

“…porque para mim o viver é Cristo e o morrer é lucro”. Filipenses 1:21

“Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim”. Gálatas 2:20

Quem se define e vive como sendo “em Cristo” será a ação do amor de Deus no mundo e não uma reação estimulada pelas circunstâncias de cada dia.

 

Carlos McCord
Presidente do Ministério Permanecer

Deixe uma resposta